Dentro da logística de entrega tudo deve ser otimizado para que se agilize a chegada dos produtos e consequentemente a satisfação dos clientes. Uma das etapas mais importantes nesse processo de aprimoramento e para a qual as empresas devem se atentar é o last mile.

Não conhece esse termo? Pois saiba que ele pode ser a chave para impactar positivamente os seus consumidores. Não se preocupe! Neste post vamos te explicar tudo sobre o last mile e como ele pode ser útil para sua empresa. Então, fica com a gente!

O que é last mile?

Vamos começar pela pergunta base: o que significa last mile? Esse é um termo da língua inglesa que em sua tradução literal significa “última milha”. Dentro do campo da logística representa a última etapa na entrega de um produto, de certa maneira as últimas milhas (ou quilômetros).

Esse é um ponto importante levado em consideração pelos clientes nas avaliações sobre a entrega. Contudo, também é uma das etapas com maior custo para a empresa. Portanto, o foco é garantir que os produtos cheguem com rapidez e agilidade, além de manter o olho na possibilidade de reduzir custos.

O last mile em outras áreas

Cabe ressaltar que o termo last mile não é específico da logística e já é utilizado em diversos outros setores das empresas. Aliás esse é um fato que pode dificultar o entendimento do que vem a ser o last mile, tendo em vista que significa coisas diferentes a depender do contexto.

Um dos usos mais recorrentes do termo é nos setores de vendas e marketing. Dentro desses contextos específicos, last mile significa o último esforço para ganhar um cliente. O foco é conquistar os consumidores que ainda não haviam sido impactados com as ações anteriores da empresa.

Como funciona a logística de last mile?

Como já falamos anteriormente, o last mile é apenas mais uma etapa dentro do processo de entrega. Ele consiste na última parte do intervalo entre o recebimento do pedido do cliente por parte da empresa e a chegada do produto na casa do consumidor.

Vamos exemplificar o last mile para ficar mais fácil o entendimento. Se pensarmos em um compra internacional, o last mile consistiria no período em que o produto já está em algum centro distribuição brasileiro e pronto para ser enviado para a sua casa. Portanto, corresponderia aos últimos dias do trajeto.

Os processos que estão relacionados a essa última parte da entrega incluem: planejar a rota e buscar os trajetos mais eficientes, além da possibilidade de agendar o horário da entrega com o cliente, rastrear a frota e acompanhar o transporte da encomenda em tempo real.

3 vantagens em otimizar o last mile da sua empresa?

Apesar de ser a última etapa da entrega, o last mile não é nem um pouco menos importante que as demais etapas. Na verdade, ter uma estratégia bem estruturada e uma boa otimização do last mile traz inúmeros benefícios para sua empresa. Vamos citar três deles:

1. Maior satisfação do cliente

O cliente compra um produto no seu negócio e com certeza deseja tê-lo em mãos no menor tempo possível. Pense que isso também acontece com você quando está no papel do consumidor. Quando sua empresa consegue entregar os produtos de maneira rápida e com qualidade, a satisfação de quem recebe é impactada positivamente.

2. Boa imagem da empresa

Essa vantagem é consequência direta da anterior. Quando uma empresa consegue satisfazer adequadamente as necessidades de seus clientes, ela impacta positivamente a percepção dos mesmos. Dessa maneira, quando eles pensarem no seu negócio, irão associá-lo a entrega rápida.

3. Redução de custos

Como já falamos, o last mile é uma etapa que gera custos logísticos expressivos. No entanto, com um bom planejamento das rotas de entrega, é possível diminuir os gastos dessa etapa. O foco deve estar na escolha de trajetos com pedágios mais baratos, com menor gasto de combustível e menores chances de perda ou outros riscos.

Dicas para otimizar a sua entrega

Pelo que já citamos, você deve ter percebido que otimizar a etapa de last mile das suas entregas é crucial para impactar positivamente seus clientes e consequentemente aumentar resultados, além de promover a redução de custos. Então, confira algumas dicas para tornar suas entregas mais eficientes:

Faça uso de tecnologias

Os meios tecnológicos podem auxiliar em diversos processos de uma empresa, inclusive na entrega dos produtos. Portanto, para aqueles que desejam otimizar o last mile, é extremamente importante buscar ferramentas digitais que ajudem na execução das tarefas de forma eficiente.

As tecnologias podem ser utilizadas para fazer o monitoramento das cargas em tempo real e calcular as rotas mais eficientes. Ademais, elas permitem maior objetividade no manejo dos dados e informações acerca do trajeto. Nesse ponto, beneficiando tanto o negócio como o cliente ao oferecer mais detalhes.

Mantenha a comunicação com o cliente

Talvez essa seja a dica mais importante para otimizar sua entrega e satisfazer seu cliente. Quando você compra um produto online e espera a entrega, é natural ficar ansioso para receber a mercadoria. Por isso, o cliente busca obter mais informações com a empresa sobre o trajeto.

Nesse ponto a empresa precisa ser transparente com o cliente sobre o processo de entrega e disponibilizar detalhes atualizados. Dessa forma, o negócio transmite maior confiança para o consumidor, além de demonstrar o interesse em atendê-lo da melhor forma possível.

Além disso, existe a possibilidade de discutir com o cliente qual o melhor horário e dia da semana para realizar a entrega. Ao fazer isso, a empresa aumenta as chances de obter sucesso com o envio das encomendas.

Busque entregar uma experiência personalizada

Apesar de todos os clientes terem em comum o interesse pelo seu produto, eles são diferentes entre si. Dessa forma, a empresa deve reconhecer os diversos perfis de cliente do negócio e buscar a experiência mais personalizada possível na entrega das mercadorias.

Pense, por exemplo, que existem pessoas que preferem uma entrega mais demorada por um valor mais baixo e outras que desejam o produto mais rapidamente, ainda que por um valor maior. Portanto, ofereça opções diversas de entrega que atendam a ambos os públicos.

Mostre-se disposto a solucionar os problemas

É comum que ocorram problemas durante o processo de entrega de algum produto. A mercadoria pode sofrer um atraso, a entrega pode não ter sido executada com sucesso, a carga pode ser perdida ou mesmo roubada. Contudo, o importante é nunca deixar o cliente “no escuro”.

Essa dica está amplamente relacionada com a da comunicação. Em eventos como os que foram citados acima, é preciso manter o contato com o cliente e demonstrar que todos os esforços estão sendo feitos para solucionar o problema. Seja transparente e forneça um prazo para a solução, além de um canal para contato.

Seguindo as dicas repassadas aqui é possível otimizar as suas entregas e garantir que os seus clientes fiquem satisfeitos. Gostou do conteúdo? Acompanhe nosso blog e confira outros posts interessantes.

× Olá! Posso ajudar?