Você, provavelmente, já comprou algo pela internet, seja em um e-commerce ou aplicativo de delivery, por exemplo. Devido a isso você deve saber o quão relevante é para o consumidor a opção de frete grátis no momento de fechar uma compra. 

O frete grátis é um diferencial gigantesco de valor, principalmente se você tem algum tipo de negócio virtual que lida com entregas de produtos. Vale lembrar que, assim como você, o seu cliente também não quer gastar com a entrega.

Mas esse artifício não acontece individualmente. Como tudo no mundo dos negócios, ele faz parte de uma estratégia, nesse caso, uma estratégia de vendas.

Você, provavelmente, deve estar perguntando-se quem vai arcar com esse valor e como as empresas conseguem oferecer um frete grátis sem que isso traga qualquer tipo de prejuízo ao negócio. Como vou fazer pra fechar essa conta? É para sanar essas e outras dúvidas que nós elaboramos este post explicativo.

Afinal de contas, vale mesmo a pena vender com frete grátis?

Como você já deve ter percebido, as empresas que oferecem entrega grátis vendem muito mais. Isso acontece por causa de uma velha característica muito conhecida do perfil da maioria esmagadora dos consumidores, eles querem gastar o mínimo possível para satisfazer o seu desejo de consumo, o custo benefício sempre foi um grande diferencial na hora de tomar a decisão de comprar ou não.

Mas nós ainda não respondemos a pergunta, vale a pena? Depende da sua estratégia de vendas e de qual método você estará utilizando para chegar até seus clientes. Para que você não perca o seu investimento, é preciso ter uma oferta muito bem construída e uma boa dose de planejamento. 

Não se assuste, nós vamos ajudar você a construir essa estratégia, mas primeiro vamos ver o que você ganha com isso:

Quais as principais vantagens de oferecer frete grátis?

  • maiores chances de atração de clientes;
  • aumento significativo nas vendas;
  • clientes mais fiéis, ou seja, aumenta a probabilidade deles comprarem novamente; 
  • importante diferencial que faz com que você se destaque em comparação aos concorrentes;
  • diminuição do número de clientes que desistem de comprar após adicionarem produtos no carrinho;
  • aumento no número de itens adquiridos;
  • aumento da sensação de que eles estão fazendo um bom negócio ao comprar de você.

Agora que já esclarecemos quais as principais vantagens, vamos responder outra dúvida muito comum: como fazer isso na prática? Como tirar essa ideia do papel? 

Como eu faço para oferecer frete grátis para meus produtos?

Calma que nós já estamos chegando no centro da questão, não falta muito pra que você consiga aplicar isso no seu negócio, mas lembre-se que, antes de qualquer coisa, você deve sempre pesquisar muito bem como oferecerá este diferencial aos seus consumidores, por isso…

Análise bem:

Estude muito, principalmente os seus concorrentes e o mercado no qual você está inserido. Antes de prosseguirmos é importante entender que a originalidade, no mundo das vendas, não é um diferencial tão grande assim… quem gosta de se arriscar são os investidores.

Os consumidores, por outro lado, gostam daquilo que já conhecem, daquilo que eles já sabem que gostam. Por isso observe a concorrência, em especial aqueles que conseguem vender bastante, pois muito do que eles têm a oferecer, você também pode ter. 

Valorize aqueles que já são clientes fiéis:

É muito provável que os consumidores que compram frequentemente com você sigam comprando. Também é muito provável que sejam esses clientes os principais responsáveis por indicar seus produtos e serviços a amigos, familiares e conhecidos. É com eles, portanto, que seu vínculo tem que ser mais forte. Dessa forma, para fidelizá-los ainda mais, por que não oferecer frete grátis a partir de um número “x” de compras ou produtos 

O frete grátis a partir do valor estipulado:

Essa é, de fato, uma das estratégias mais efetivas, viáveis e conhecidas para oferecer a entrega gratuita. Você, provavelmente, já viu empresas fazendo ofertas como: “Frete grátis a partir de  R$100,00 em compras” ou então “Comprando 200 reais em produtos, você não paga a entrega”. Pois é exatamente disso que nós estamos falando.  

Tomemos, por exemplo, o caso dos 100 reais em compras, pode ser que seu cliente esteja com 80 reais no carrinho e adquira um outro produto num valor de 20 ou mais, só pra não pagar o frete. Observe a vantagem, você vende mais, fideliza o seu cliente e ele sai muito mais contente. 

Mas, para que essa estratégia funcione, é de suma importância que você deixe bem claro para o que está sendo oferecido.

Inclua o valor do frete no valor final do produto:

O frete grátis é um diferencial tão grande que, como você já pôde observar, muitos preferem até pagar um pouco mais no lugar de ter que arcar com o frete, isso porque em volta desse artifício já há um ganho, um bom negócio para o cliente.

Essa é uma estratégia que funciona muito e que atrai muitos consumidores. E você pode oferecê-la da seguinte forma. Digamos que o valor de um produto seja de 30 reais e o frete custe 10 reais. Sendo assim, você pode simplesmente vender o produto por 40 reais, incluindo no preço final o valor do frete.

Esses foram apenas alguns exemplos de estratégias que você pode adotar para incluir o diferencial do frete grátis na sua loja. Existem inúmeras outras e, para que você não saia no prejuízo, é preciso pôr tudo no papel, planejar bem, ajustar o preço dos seus produtos e, o mais importante, estar sempre atualizando-se para ver o que de fato querem seus clientes. 

Agora que você já sabe como aplicar o frete grátis sem prejuízo, descubra também as vantagens e desvantagens da terceirização logística.

× Olá! Posso ajudar?